Redação no vestibular

É comum os alunos ‘tremerem’ na hora de fazer uma prova de redação, isto porque uma redação implica em criar, respeitando as regras gramaticais e mostrando conteúdo e organização.

No fundo é isso o que assusta os alunos, o fato de ter que se concentrar em tantas coisas diferentes em tão pouco tempo. Mas escrever uma redação pode ser uma coisa bem simples, basta você se preparar antes de fazer sua prova e ler cuidadosamente as instruções antes de começar.

Preparando-se para a prova

É importante dar uma boa revisada nas regras gramaticais, não esquecendo dos ítens pontuação e acentuação, que são muito importantes e  no que muitos pecam na hora de escrever.

Depois disso é bom ler bastante, aproveite que vai ter que ler alguns livros para o vestibular e faça-o com dedicação, prestando atenção ao estilo do autor e também às formas que ele usa para introduzir suas idéias.

Leia também provas e redações de exames anteriores, que estão sempre à disposição do público em sites da internet, jornais e revistas especializadas. Saber como outros alunos antes de você construíram seu texto pode ajudar muito na hora da sua prova.

Na hora do exame

Antes de começar a fazer a prova é necessário ler bem o que está sendo proposto, quantas linhas (ou palavras) deve ter sua redação e entender exatamente o que está sendo pedido.

Organize suas idéias

Tome partido porque é sempre bom ler um texto onde o autor mostra claramente sua posição, senão pode ficar um texto confuso. Numa folha à parte prepare sua argumentação, escreva os prós e os contras do seu ponto-de-vista. Eu normalmente indico que se inicie pelos prós, mas nada contra se você resolver inverter.

Preparando sua introdução

A introdução é muito importante porque mostra sobre o que você vai escrever. Digo sempre aos meus alunos que essa introdução deve funcionar como um resumo. Não subordine sua introdução ao título, ou seja, tome o cuidado de ver se alguém a entenderia mesmo se não houvesse o título. Introduções que contenham idéias completas são muito melhor entendidas e conseguem notas mais altas.

Sua introdução não deve ser muito extensa, apenas um parágrafo de 3 ou 4 linhas deve ser suficiente para introduzir seu assunto de forma clara e sem muitas palavras desnecessárias.

O corpo da redação

Aqui você deve listar e explicar os prós e contras encontrados para justificar seu ponto-de-vista de forma clara, sem muitos rodeios. O fato de ter 20 pontos a favor não significa que será uma boa redação, um ou dois bem fundamentados são mais que suficientes.

A conclusão

Na sua conclusão você deve mencionar os prós e contras e explicar a sua posição. Não faça uma conclusão muito extensa para não confundir seu leitor, seja objetivo.

Releitura

A releitura é muito importante porque alguns erros podem passar despercebidos na hora em que você está escrevendo. Substitua palavras muito repetidas por sinônimos, acrescente adjetivos ou advérbios em frases pobres. Corrija erros de concordância, muito comuns em redação. Substitua trechos que usam tópicos de gramática sobre os quais você tenha dúvidas. Faça o mesmo se não tiver muita certeza sobre a ortografia de algumas palavras.

Leia também:

Para ter uma boa redação

%d blogueiros gostam disto: