Interpretar sem ler?

As pessoas reclamam que têm dificuldade para interpretar um texto e eu sempre digo que para interpretar é necessário ler com atenção. Mais que ler com atenção, é necessário adquirir o hábito da leitura.

Mas não precisa ler livros inteiros por semana – se bem que seria uma boa ideia! – mas ler sempre. Ler tudo o que tiver oportunidade, de uma bula de remédio a uma notícia no jornal.

Quando for ler, leia quantas vezes for necessário para entender. Leia parágrafo por parágrafo, leia 3 vezes a mesma frase se for necessário. Volte parágrafos se for mencionado algo escrito anteriormente. Se estiver lendo no computador ou na internet e for de difícil compreensão, imprima e vá grifando o que for mais importante. Anote as informações principais. Faça um resumo. Tente repetir mentalmente ou em voz alta a informação contida em cada frase ou parágrafo.

Faça perguntas a si mesmo sobre o que aquilo quer dizer. Se for um tutorial, vá executando enquanto vai lendo. Se houver palavras desconhecidas, procure-as num dicionário e anote a definição.

Se um parágrafo tiver muitas informações, pegue um caderno e vá numerando-as. Ao final do que leu, faça o mesmo com toda a informação lida. Faça anotações no rodapé, se for um livro. Tente visualizar a cena, se for ficção.

Não existe forma de interpretar sem ler. Não há um “atalho” que você possa tomar, para entender livrando-se do “trabalho” de ler. Se você quer aprender a interpretar vai ter que ler, ler muito.

Se você leu esse artigo do começo ao final, isso já é um bom começo.

Zailda Coirano

Nesse artigo você aprendeu que não há como interpretar sem ler.

Website  Loja Virtual   Web rádio   Facebook   Twitter

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: